Canções pelo Iraque

Ontem realizou-se no S. Jorge o espectáculo “Canções pelo Iraque” organizado pela secção portuguesa do Tribunal do Iraque. Como disse o Luís Represas “há mais de vinte anos que não participava numa sessão de Canto Livre” e eu estou totalmente de acordo com ele. Foi o que me fez lembrar pela adesão dos músicos e do público a uma causa.

Para além da Rita Blanco, que leu poesia, e do Pacman que não pode estar lá mas gravou uma mensagem, estiveram presentes, por ordem de entrada em palco, o Jorge Palma, Paulo de Carvalho, José Mário Branco, Camané, Pedro Abrunhosa, Fausto e Luís Represas. Elenco de luxo está bom de ver.

Aqui ficam algumas fotos, de muito má qualidade porque cheguei em cima da hora e já não foi possível fazer a acreditação para poder estar ao pé do palco (inclusivamente e com grande pena minha as do Fausto e as individuais do Camané não dão para editar), mas neste caso o que me interessa mesmo é registar o evento.

Jorge Palma

Paulo de Carvalho

José Mário Branco

José Mário Branco e Camané (aqui tenho de deixar uma boca. Charraz, nunca desfazendo em ti e não penses que com isto te safas de o cantar, mas ouvir o Inquietação cantado por estes dois foi… divinal)

Pedro Abrunhosa (registei a fraca adesão do público presente ao refrão do Talvez Foder, coisas…)

Luís Represas

~ by Dionisio Leitão on March 24, 2007.

 
%d bloggers like this: